Giovana Cordeiro está prestes a fazer sua estreia na Netflix com o novo longa brasileiro da plataforma,”Carnaval“, no papel da influenciadora em ascensão Nina. Ela é a estrela da mais nova edição do Na Mira do Febre Teen, e diferente do que o filme retrata – muita festa, aglomeração e curtição – nosso ensaio acabou se tornando uma coisa mais íntima em sua casa, devido a pandemia, mas claro, com o bom humor e simpatia de Giovana presente a todo o momento.

Febre Teen/Mateus Aguiar

Apesar de estar estreando na plataforma de streaming, a atriz não é um rostinho novo na TV. A estrela de 24 anos começou de fato nas novelas da Rede Globo e chegou até a protagonizar ao lado da renomada atriz brasileira Fernanda Montenegro. Desde então, ela vem crescendo no mundo do cinema e televisão, pronta para conquistar o melhor que eles têm à nos oferecer. Em entrevista ao Na Mira, a atriz contou um pouco mais sobre sua carreira, planos futuros e é claro, seu mais recente trabalho, o filme “Carnaval“.

Com fotos tiradas à distância, Giovana mostrou o poder de seus cachos que ganharam uma grande repercussão com Moana, seu papel na novela “Verão 90”, de 2019. A estrela relembrou a repercussão do penteado clássico da década, em que trouxe de volta à tona os cachos com franja, que marcaram uma geração. 

“Toda hora eu recebia foto de gente que tinha cortado a franja inspirada na Moana. E foi muito legal né? Porque resgatou isso com muita força, da franja com o cabelo cacheado e desse universo colorido dos anos 90.”

Febre Teen/Mateus Aguiar

Antes mesmo de “Verão 90“, a estrela já havia feito outras novelas como “Rock Story” em 2016 e “O Outro Lado do Paraíso” em 2017, ambas também na Rede Globo. Mas de onde surgiu a vontade de seguir essa carreira? Nem mesmo Giovana lembra, já que seu interesse pela arte esteve sempre presente enquanto crescia, o que não deixou dúvidas na hora dela escolher o que cursar na faculdade: artes cênicas.

“Eu sempre gostei muito de me expressar artisticamente, sempre que tinha uma oportunidade na escola, na brincadeira no condomínio era fazer teatrinho. No recreio eu fazia apresentações de dança, eu gostava de desenhar, eu sempre gostei de música. E quando eu cheguei no 3º ano da escola, em que tinha que decidir qual faculdade iria fazer, eu senti que era isso, eu falei ‘agora é hora de eu investir’.”

Não temos dúvidas do amor de Giovana pelas artes e a atriz falou orgulhosa da sua escolha afirmando que a arte é uma ferramenta de cura. A estrela escolheu a atuação por ser algo potente e que teve um grande impacto tanto na sua vida profissional, quanto pessoal. 

Logo em seu primeiro projeto global, Giovana Cordeiro agradou não só a produção, mas também todo o público ao interpretar a empregada doméstica Celeste, na minissérie “Dois Irmãos”. Depois, a musa ganhou um papel maior em “Rock Story” e se tornou um destaque na novela após conquistar os diretores da produção, que estenderam a sua história até o fim da transmissão.

Mas foi com o papel da neta de Fernanda Montenegro, uma de suas grandes inspirações, que a musa surpreendeu até a jovem garota que foi atrás do curso de artes cênicas. Sua personagem Cléo viveu momentos intensos em “O Outro Lado do Paraíso”, que impactaram sua vida para sempre. 

No ano seguinte, Giovana voltou à década de seu nascimento para interpretar a amigável e doce Moana, em “Verão 90”, novela que ganhou o coração dos telespectadores trazendo aquela nostálgica gostosa da época. Mas encarar um projeto como esse tem seus desafios e se engana quem acha que a maior dificuldade da atriz foi interpretar um personagem de outra época.

“O maior desafio era entender. Porque eu tinha acabado de sair de ‘O Outro Lado do Paraíso’ que tinha uma linguagem e fui para outra que tinha uma outra linguagem. Então acho que o desafio é afinar esse tom.”

Febre Teen/Mateus Aguiar

Agora chegou a vez da musa entrar de cabeça no mundo do streaming, onde ela estrelou o novo longa da Netflix, “Carnaval”. É claro que fazer um projeto original da maior plataforma do mundo é algo que ficará marcado na vida de Giovana Cordeiro para sempre.

“As pessoas me perguntam ‘Você está nervosa?’ e eu falo ‘Eu estou vivendo’. Eu estou muito feliz, minha expectativa está bem alta. Eu estou louca para ver o que as pessoas vão achar.”

O filme foi gravado em Salvador durante as festas de 2020, antes da pandemia começar, então se prepare para o gatilho nostálgico ao assistir o filme que estreia no dia 2 de junho.

A atriz relembrou um pouco de como foi gravar em meio à uma das maiores celebrações do Brasil e falou sobre a sensação de nostalgia que o filme trás, algo que acredita que será sentido por todos os brasileiros quando assistirem a comédia nas telinhas. 

“Eu fico muito feliz que a gente tem isso registrado, foi meu último Carnaval e eu consigo ver e matar essa saudade. É um pouco triste também, vai batendo uma nostalgia. Mas, também dá uma esperança, enche um pouco mais de fé. Porque eu quero viver isso de novo, quero que a gente consiga viver isso de novo e que seja logo. É uma mistura bem doida de sensações. Bem como é o carnaval, tudo misturado.”

A artista interpreta a protagonista Nina, uma influenciadora que viaja com as amigas para curtir o Carnaval e acaba experimentando o lado positivo e negativo da vida nas redes sociais, algo que está sendo muito discutido atualmente, principalmente durante a pandemia. O longa aborda a temática da cultura do cancelamento de uma maneira leve e Giovana espera que o público entenda o recado por trás da história.

“O linchamento nas redes sociais tem aquele efeito manada em que todo mundo começa a falar sobre o assunto, todo mundo começa a viver um pouco daquela sensação e todo mundo adoece em conjunto. É uma pena que isso aconteça e eu espero que com o filme essas reflexões venham mais à tona. E eu acho que a comédia traz essa reflexão de uma forma leve, convida a gente a conversar sobre isso de uma forma mais leve. Eu espero que a gente pense mais sobre isso, em uma forma de ser mais legal com os outros, mais tolerantes, porque todo mundo erra. Em algum momento todo mundo vai errar.”

Febre Teen/Mateus Aguiar

Esse ano, além da estreia na Netflix, a musa está pronta para viver outro grande papel. Ela interpretará a esposa de Sidney Magal, Magali, em “Meu Sangue Ferve Por Você”, um longa que contará a vida do cantor e mostrará todos os lados de sua história. A produção ainda está na fase inicial e, devido a pandemia, Giovana está criando toda a personagem dentro de sua casa, mas ela revelou que ela já está sendo muito importante para a sua carreira e falou mais sobre esse projeto.

“‘O Meu Sangue Ferve por Você’ foi o empurrãozinho para eu experimentar todas as outras habilidades, porque eu acho que a gente tem uma tendência a se limitar e esse trabalho me desafiou a me investigar mesmo. Eu comecei a fazer aula de dança para o filme, eu estou fazendo aula de canto, então eu estou começando a pensar em integrar isso no meu trabalho de atriz. Não só para esse filme, mas para outros projetos. Então, ele [o filme], já está sendo muito importante pessoalmente e intimamente para mim.”

Giovana Cordeiro revelou que, mesmo com a produção do filme em casa, está usando desse tempo não só para criar Magali, mas também para continuar explorando essas diferentes habilidades e “descobrir como a arte resiste e acontece” apesar de todas as barreiras da pandemia.

Por fim, a atriz contou que está sempre estudando, criando e se aventurando, seja no mundo da atuação ou das artes em geral. E é claro que vem novidades por aí na carreira de sucesso da jovem atriz. Estamos super ansiosos! 

Febre Teen/Mateus Aguiar


NA MIRA – FEBRE TEEN
Giovana Cordeiro

Fotografia:
Mateus Aguiar (@mateusaguiar)
Maquiagem:
Carol Alves
Entrevista:
Larissa Vieira (@_larevie)
Matéria:
Larissa Vieira (@_larevie) |
Karen Cesar (@karencesar_)
Edição de Vídeo:
Karen Cesar (@karencesar_)
Agradecimento:
Netflix Brasil (@netflixbrasil)